segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Relação entre o uso de home care e mudanças no nível de necessidades de idosos japoneses

Relationship between home care service use and changes in the care needs level of Japanese elderly

Com a introdução do Seguro de Saúde de Longo Prazo (LTCI) no Japão, mais serviços de atendimento domiciliar estão disponíveis para os idosos da comunidade. Para oferecer serviços de cuidados eficazes domiciliares, é importante conhecer os efeitos do uso do serviço. Neste estudo, primeiro passo para determinar este uso, descreveu-se a utilização de diferentes serviços em casa no grupo sustentado/melhorado e no grupo deteriorado quanto a suas necessidades de cuidados, e a relação entre o uso dos serviços de home care e mudanças na necessidades de níveis de cuidados.

Foram incluídos 624 participantes de um total de 1.474 usuários de serviços LTCI em uma cidade no Japão. Utilizadores de serviços de Home care foram estratificados em um "subgrupo de baixo nível de necessidades de cuidados" e um "subgrupo de elevado nível de atendimento às necessidades"com base no atendimento as necessidades a nível de base. Comparações estatísticas simples e múltiplas análises de regressão logística em que a mudança no nível de necessidades de cuidado foi definido como uma variável dependente foram realizadas. Sexo, idade e nível de necessidades de cuidados de base, foram designadas como variáveis de controle. Serviços domiciliários foram tratados como variáveis independentes. Neste estudo, os serviços de assistência domiciliar consistiam de ajuda ao domicílio, serviços de banho em casa, uma enfermeira, a reabilitação em casa, cuidado diário de enfermagem, cuidado diário, empréstimo de dispositivos médicos, permanecer em repouso um lar de idosos, permanência em uma unidade de saúde, pausa estada em um sanatório de cuidados médicos e tratamento por um médico.

Houve uso diferente dos serviços domiciliares para os dois grupos. Ficar em um lar de idosos e outros tipos de serviço se relacionaram a deterioração das necessidades de cuidados no grupo de nível mais baixo de atendimento de necessidades . Além disso, o tratamento por um médico estava relacionada a piora das necessidades de cuidados no grupo de maior necessidade de atendimento.


Apesar das grandes diferenças entre os aparatos de atençao japoneses, faixa etária de sua população, renda, e respeito ao idoso, é interessante verificar como foi feito o estudo para avaliar serviços de atenção domiciliar nacionais, ainda mais com a ampliação da oferta destes serviços. E pensar como fazer para realmente colocar em prática a portaria de 2006.

LIVRE ACESSO: