quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Navegação com segurança na internet para Crianças

O site "Childhood - Pela Proteção da Infância" trás duas cartilhas online para proteção da infância contra a pedofilia

Criada pela Rainha Silvia da Suécia, a World Childhood Foundation luta para promover e defender os direitos da infância em todo o mundo. Escolheu o Brasil como primeiro beneficiário de sua fundação, que também possui escritórios na Alemanha, Estados Unidos e Suécia.

A cartilha Navegar com Segurança é uma realização da Childhood Brasil e traz dicas importantes para a prevenção do abuso on-line e da pornografia infantil na Internet. O texto orienta sobre o uso adequado da Internet por crianças e adolescentes, e fornece informações valiosas sobre o funcionamento da rede, como evitar o acesso a conteúdos de pornografia infantil e também os riscos de envolvimento com adultos mal intencionados que se escondem no mundo virtual.

Já a cartilha Saferdic@s trás uma série de informações sobre todos os ambientes e níveis nos quais comumente a criança e o adolescente se inserem, desde informações sobre lan houses até blogs, microblogs e redes sociais. Foi elaborada pela equipe da SaferNet Brasil com o propósito de contribuir para a promoção da utilização da Internet de forma mais segura e ética. Com uma linguagem simples, ilustrações inéditas e diagramação lúdica, a Cartilha pretende atingir públicos de diferentes faixas etárias, classes sociais e níveis educacionais.

O conteúdo foi desenvolvido a partir de pesquisas sobre conceitos, termos e novas linguagens usadas na Internet e no mundo digital. O objetivo deste material pedagógico é estimular os brasileiros, principalmente crianças e adolescentes, a aproveitar todo o potencial da rede, sem esquecer de adotar os cuidados necessários neste novo espaço público, seguindo as dicas de segurança.
Os materais guardam relação com os conceitos da Educação em Saúde, e podem ser utilizados pelas equipes de saúde da família para trabalhar segurança na internet com crianças e adolescentes, preferencialente em parceria com a escola (intersetorialidade).

Acesso aos materiais:


Créditos pela divulgação:
Gláucia Batista, MFC

ATUALIZAÇÕES SOBRE O TEMA:

O colega de Planeta Saúde, Ricardo Teixeira, em seu Blog Consciência do dia-a-dia, trás uma postagem interessante sobre internet em excesso e adolescentes. Confira.

Outro colega do Blog Planeta Saúde, Rafa Vac, traz outra postagem interessante sobre internet e adolescentes: A Archives of Pediatrics & Adolescent Medicine (AP&AM) sugere que o uso patológico da internet aumenta a chance de um adolescente desenvolver depressão. Acesse